Feliz Natal para vocês, eu já tive a melhor prenda!


Reboleixo

Farta de rebolar resolvi levantar-me, vou ver as horas, 7:45.
Bem é um pouco cedo para um Domingo mas o meu corpo está cansado de cama.
O teu mais que tudo passado uns minutos levanta-se também e tu comentas como acordaste cedo e perguntas-lhe a que horas adormeceste, ao que ele responde umas 22:30.
Está explicado!
Actualmente o meu corpo a partir das 22h desliga-se e cai para o lado sem o conseguir segurar!

Não foi planeado pois não?

     Esta é a pergunta que já ouvi de várias pessoas ao longo da gravidez e que me deixa com os cabelos em pé. É óbvio que foi planeado, desejado e reflectido o assunto antes de sequer engravidar. Senão vejámos:

Parei com a pílula em Outubro de 2011, avisámos ambos os pais que o íamos fazer mas que tal não significava que íamos tentar engravidar, era só para desabituar o corpo. Em Dezembro de 2011 tive consulta com a médica de família e informei-a da minha decisão. Nos meses que se seguiram procurámos saber se algum do nosso historial clínico poderia impedir-nos de ter um filho saudável. Em Maio, em decisão conjunta decidimos parar de usar protecção. Em Agosto engravidei.

Se nos perguntarem se andávamos atentos ao meu período fértil, sim tinha tudo anotado, sabia sempre em que altura estava o meu ciclo, mas se nos questionarem se nos meus dias mais férteis tínhamos o cuidado de ter relações para aumentar as possibilidades de engravidar, isso não. Estávamos a aproveitar o facto de eu me sentir muito melhor fisicamente por ter parado com a pílula, estávamos felizes e conscientes que acabaríamos por engravidar. Não houve stress de medir temperaturas; ser naquela data porque havia mais possibilidades; começar com ácido fólico para ir prevenindo... Só sabíamos uma coisa se sem usar protecção durante 12 meses nada acontecesse, faríamos testes médicos para saber se tínhamos algum problema que nos impedisse de fazer um bebé.

Assim sendo, se em mais de 10 anos de vida sexual activa nunca abortei; nunca tomei a pílula do dia seguinte; nunca tive comportamentos de risco, porque raio ía começá-lo a fazer aos 28 anos? 
Engravidei porque quis, porque o desejávamos, porque nos faltava dar esse passo tão querido pelos dois.

Já agora deixo-vos o conselho, pode ser útil. Os únicos sustos que apanhei na vida foi de 2x que me esqueci de tomar a pílula. Em ambos os casos fuí falar com um farmacêutico e perguntar a sua opinião se deveria tomar a pílula do dia seguinte. Por muita sorte de ambas as vezes não precisei porque foi imediatamente nos dias que se seguiram ao fim do meu período e segundo os especialistas nos 3 dias seguintes ao fim da menstruação as possibilidades de engravidar são quase nulas. Pois fiquem sabendo que eu engravidei no 1º ou 2º dia a seguir à minha menstruação. E isso fez-me pensar que no passado muita coisa podia ter corrido mal. 

(Cara irmã, se leres isto e visto que estás a entrar naquela fase da adolescência de novas experiências, pf usa sempre protecção, não queiras que a tua vida desabe por um desejo carnal momentâneo.)

American Food

O meu mais que tudo foi a um supermercado americano ali para os lados de S.Sebastião e sabendo a gulosa que tem em casa trouxe-me três ítens: um pacote de Pringles de Pizza; um frasco de Onion Rings e um frasco de manteiga de amendoim. E não é que a porra da manteiga também traz o desenho da Sininho no frasco...


Secret Eaters

Fico fascinada com a quantidade de merda que estes ingleses ingerem, como se questionam por estarem gordos e como não rebentaram ainda.

Fonte: http://crystalswitches.deviantart.com/art/ROM-32-Not-so-secret-eaters-308498370

Contagem decrescente!

Faltam 11 dias para o Natal, tenho as prendas tratadas, tudo em dia!
Ainda vou ter a visita da minha mãe por Lisboa. algo inédito para esta altura do ano.
Esperámos para a semana saber o sexo do bebé e quis que ela assistisse a esse momento, sabe-se lá se voltarei a ter filhos e sendo filha única é agora ou nunca que ela pode assistir a isto. 
Nunca pensei que evoluída como a medicina está levasse tanto tempo para poder saber o sexo e mesmo assim ainda não é garantido, depende da posição do bebé.
A prenda de Natal para o meu bebé vai ser um vídeo com a história da sua vida na minha barriga nos últimos 5 meses, para mais tarde recordar!

Não podia ser pior

Já percebi porque não há mais crianças a nascer neste país, é que se todos os responsáveis pela saúde forem como os que me têm calhado, a pessoa nunca mais deseja pôr os pés no médico! Isto anda-me a revoltar. Tenho sido tratada com um cinismo profundo e má educação pelo SNS. Ando fartinha, vou começar a dirigir-me a eles com 7 pedras na mão, ver se gostam!

Sininho ao poder!

Eu diria que a moda anda pelo desenho da Sininho! Já tenho um pijama com a boneca também!


Chegou a Popota em peluche!

O motivo para o Continente ter demorado tantos anos a lançar o peluche da Popota é um segredo guardado a 7 chaves nas catacumbas do Vaticano.

Aumento de peso ou não!

Quase 5 meses após este bebé ganhar vida em mim e eu não ganhei uma grama, ainda nem sequer cheguei ao peso que tinha em Julho, antes de engravidar. Ando a comer muito e melhor (quase sempre) e, no máximo de 3 em 3h, desde que felizmente parei com os vómitos constantes aos 3 meses, mas quase 2 meses depois estou na mesma. Tenho uma barriga bastante expressiva, o peito cresceu também mas peso ganho nem vê-lo. Receio no último trimestre engordar que nem uma doida ou então a criança não estar a conseguir obter o que precisa de mim.  Este mês irei fazer uma eco e espero que esteja tudo bem com o bebé e espero finalmente saber o seu sexo, é irritante tantos meses depois andar sem saber.

De qualquer forma já há 2 prendas no sapatinho para este novo ser, não resisti e comprei-lhe os seus primeiros cds de música de embalar! Só falta tê-lo no colo!

Então não íamos ter sol???

Uma pessoa ouve o telejornal às 8h da matina e o meteorologista diz "Sol para todo o país", vai e sai de casa sem guarda-chuva.
Sai de Picoas e pensa vamos poupar uma viagem de metro e ir a pé até Entrecampos apanhar o comboio e assim fazemos uma caminhada.
Vai na volta e chove, chove, chove e os 20 minutos a pé transformam-se num banho dos pés à cabeça.
BBrrrrr que hoje tenho o frio entranhado em mim.

Com unhas e dentes

Revelo as minhas garras de leoa quando ele mexe nos meus livros.
E a frase "é meu não é teu" está-me sempre a sair da boca.
Sou possessiva com os livros que tenho, que devem ultrapassar os 1000, são o meu bem precioso e ao fim de 5 anos de vida comum alguns títulos já não sei bem de quem são, mas quando sei que são meus sou uma fera a defendê-los.
Não consigo que "os meus livros" passem a ser dos dois, sou por demais cuidadosa com eles, os meus tesouros preciosos.

(imagem de freefoto.com)

Na foto vejo sonhos, viagens, possibilidades, cultura, fascínio, descobertas, magia, beleza, sabedoria, curiosidade,...

O Samsung

Já chegou, lindo que só ele com capinha cor-de-rosa e uma protecção de ecrã. E com a sua chegada eu percebi o quão alienada ando destes novos modelos xpto de telemóveis. Não fosse ter um prendado marido para me explicar o bê-à-bâ daquilo e quase que nem ligar o bicho sabia.

Há e agora ele (o que se faz passar por marido) diz-me que tenho de sincronizar os contactos no gmail e patapipatapa antes de os passar po bicho.... Whaty?
Digo-vos ainda não tive coragem de lá colocar o cartão Sim, não vá fazer asneiras...
Este mundo só complica a vida ao pessoal, para que quer alguém ter tanta possibilidade de funcionalidades no tlm?

E ganhar o Euromilhões não?

4 dias ausente do pc, só o liguei para ir anotando as minhas despesas que cada vez me assustam mais, não vi os emails, nem blogs nem facebook. Noto que cada vez passo menos tempo à secretária, já não há paciência. E o facebook desde que retirou a opção de cuscar apenas as fotos colocadas pelo pessoal, morreu de interesse!
Os meus gastos vão para o meu drama existencial, a restauração, fiz 3 refeições fora em 4 dias como é que deixo isto acontecer? Se somarmos os cafés; o pão fresco e as garrafas de água com gás estou totalmente a dirigir o $ para a restauração deste país. Agradeçam-se senhores pf!

Ao telemóvel

Pai_ Então e a LaiLai portou-se bem?
Eu_ Está tão cansada de arrumar como a mãe.

Aos gritos a minha mãe para o meu pai_ Não é LaiLai é só Lai!

Ainda dizem que os pais não ouvem o que os filhos lhes dizem...

(note-se que ainda não sabemos o sexo do bebé, mas estamos a torcer por uma menina)

Hummm

Quando o médico e a enfermeira me dizem com ar triste só engordou 0,5kg é pouquito para dois meses.
Essas palavras na mente de quem toda a vida sofreu de peso a mais e que anda a comer imenso soam a "podes comer ainda mais, finalmente!!!!".

Verdades da Gravidez

O cabelo fica fininho e receias acabar careca;
Sempre que vês pessoas constipadas receias aproximar-te;
Quando corres receias fazer mal ao bebé;
O teu guarda-vestido pode ter 1000 peças de baixo mas só as que adquiriste de grávida te servem;
O teu balcão da cozinha passa a servir de mesa para comprimidos;
Quando comes mal ficas com peso de consciência e, provavelmente vomitas a seguir;
Sofres de dor de costas e constantemente tens de te sentar;
Não aguentas a vontade de fazer xixi;
Conseguir posição para dormir corresponde a umas 10 voltas na cama;
Recebes presentes para o bebé sempre que encontras amigos e familiares;
És informada que no Natal a família só dará prendas ao teu bebé;
Tens pânico de ganhar cáries, diabetes e outra doença estranha que afecta as grávidas;
Conheces de cor a melhor maneira de te colocares em sanitas públicas a vomitar;
Não consegues parar de fazer festinhas na barriga mesmo sem sentires ainda nada a mexer;
Perdes vários dias de vida à espera para se atendida na maternidade e médico de família;
Sabes para que são as senhas verdes e azuis da MAC e ensinas a outras barrigas;
Dormes mais do que um urso hibernado;
Apercebeste que a adolescência chegou à tua cara;
Paras num canal de televisão se estiver a dar algo sobre a gravidez;
Aprendes que há várias chupetas, bicos de silicone, sugadores de ranho;
Observas a camada adiposa ao longo do corpo e a linha de pêlos da barriga;
Ficas sem saber bem se estás a engordar o correcto;
Podes finalmente dizer "Não estou gorda, mas grávida";
O teu pai começa a ligar-te para saber se estás bem;
Sentes-te infeliz, por vezes, mesmo que tudo vá bem;
Tens medo constante que o coração do bebé pare de bater;
Após 3 meses de mal-estar ficas super enérgica e ninguém te atura;
Tratas religiosamente cada foto da ecografia;
Pensas que a tua casa tem de ser remodelada para receber um bebé;
Olhas com atenção para as pernas não vá surgir varizes;
Martirizaste por ter de pôr creme no corpo com o frio;
Constatas que andar de autocarro é coisa para te deixar enjoada o resto do dia;
A tua vida sexual está a sofrer no meio de tanta mudança e preocupação;
Tentas compreender como sobreviveste em bebé tal a quantidade de exigências actuais  feitas aos pais;
As tuas conversas giram em torno do teu estado;
Sushi e marisco são miragens na tua alimentação;
Ganhaste umas permanentes olheiras negras mesmo dormindo 24h;
Discutes com o pai da criança para onde vai tanto tralha espalhada pela casa;
O pijama passa a ser a roupa sexy com que recebes o marido ao fim do dia;
Olhas para os teus casacos de inverno, todos cintados e vês que vais ter de andar nua nos próximos meses;
A roupa de grávida é feia, há pouca opção e é muito cara;
O teu "marido" tem mais cuidados contigo e ajuda-te mais nas tarefas;
Sentes um peso constante no fundo da barriga e só te apetece levantá-la para aliviar;
Gastas 5x mais água para lavar os vegetais;
Acrescentas um prato de sopa há tua ementa diária;
Fazes um registo fotográfico das prendas e do evoluir da tua barriga;
Deixas de carregar pesos, isso fica para ele fazer;
Apercebeste que qualquer actividade mais exigente requer logo de seguida um descanso de 5 minutos;
Não consegues imaginar-te já sem este bebé a crescer;
Os vizinhos olham confusos para ti, sem saber se estás gorda ou grávida;
Vês vídeos sobre bebés e ficas a sorrir feita parvinha enquanto massajas a barriga;
Quando espirras seguras a barriga, como quem diz "não te assustes, foi só um espirro";
Vês o tempo a voar e tu ainda com nada preparado;
Aconselham-te a ler várias "biblias", se tiverem imagens ainda vá mas só letrinhas ninguém merece;
Contas semanas em vez de meses e cada dia que passa é uma vitória;
Tens pânico de te mandarem fazer uma amniocentese e abortares;
Desejas imenso que a criança te chute para saberes que está tudo bem mas isso leva meses a acontecer;
Começas a ponderar pôr uns phones na barriga com música clássica;
Invejas o ar gracioso que a Tânia Ribas tem grávida e as roupas giras que tem;
Enquanto não sabes o sexo não fazes compras e os outros dizem-te que devias já ter muita coisa comprada;
Ouves mil e um palpites sobre como hás-de cuidar do teu bebé;
Ao fim de cada diz só te apetece ter a mão do teu mais que tudo sobre a tua barriga, depois a  tua mão sobre a dele e ficarem ali felizes a acariciar o vosso bebé.



Vizinhos

O mal de se viver num apartamento é que há sempre um andar qualquer que está em obras, portanto a música é constante tutututututututupumpumpumpumupumpum

Hoje podem...

dar-me umas palmadas porque não resisti e comprei a Mulher Moderna na Cozinha.
Ao fim de quase 11 meses cedi e lá veio uma revistinha para casa.

Ah e já tenho a minha resolução para 2013, acabou-se o comer tanta vez fora, o meu saldo vai todinho para isso. Mas ainda temos 1 mês de loucura pela frente até lá.

Miss Cleo Shame On You

A 20 de Novembro

     Falta-me apenas comprar 2 prendas de Natal, para dois adolescentes que como será uma dor de cabeça conferenciei com a mãe dos mesmos e já sei o que dar, falta só correr umas 20 lojas em busca do modelo xpto. Vou passar a ser vista como a prima que dá prendas de cota, mas eu NÃO SEI COMO AGRADAR A ADOLESCENTES!

     O ano passado perdi 1 dia para escolher algo para a minha irmã adolescente, acabei por lhe oferecer um lenço tons de rosa e preto e outra coisa qualquer, sei que odiou, então depois fui obrigada a perder mais um dia de vida com ela numa loja para efectuar a troca por uma carteira azul-marinha (já sai a mim) bem gira. Este ano comprei-lhe algo que eu acho giro, mas sem pensar muito no assunto, porque estou preparada para acabar por ficar eu com aquilo e ir com ela escolher outra coisa.

     Ontem corri a baixa lisboeta de ponta a pavio e tratei do pessoal em falta, muito me desiludiu que em todas as lojas só dão 8 dias para trocas, expliquei que seriam prendas de Natal mas nada! Basicamente se algo não servir ou não for do agrado vou oferecer muita coisa e ter de comprar coisas novas.
     
     Quanto às minhas ofertas são modestas mas úteis só não estou satisfeita com uma das prendas, foi a mais trabalhosa mas não ficou ao meu gosto, acho que ainda irei comprar mais qualquer coisa, porque o casal merece.

     Tenho uma regra no Natal, as pessoas com quem passo a véspera levam todas prendas individualmente, os homens é sempre um martírio. A restante família (só tios) e casais amigos, levam por casal uma lembrança o mais útil possível. O ano passado dei com o J. cabazes a toda a gente de produtos nacionais (uma prenda excelente, linda mas muito cara). Este ano como eu nem emprego tenho, vai só uma prendinha.

     Acho que pela primeira vez em alguns anos tenho prenda para o J., nós não ligámos a prendas, nem nos anos nem em dia algum. Mas ele ofereceu-se para me pagar o telemóvel novo (chega sábado) e eu quis retribuir. 

     Hoje é dia de fazer embrulhos e pouco mais. Já fui fazer as compras necessárias e cada vez sou mais feliz por ir ao Mini Preço, porque em comparação com o Continente é mil vezes mais barato e só trago o necessário. Além disso vou a pé e levo sacos de pano, o ambiente também sai a ganhar!

     

As pessoas dizem:

- " Como vai o teu marido?"
E eu corrijo sempre:
-  "Marido não, namorado!

Porquê?
Os casamentos são coisas chatas que raramente correm bem, servem para juntar uns trocos e fazer uma viagem a uma ilha qualquer. Talvez durem uma vida mas se acabam trazem uma carga de despesas.
Num namoro tens de fazer mais amor, saber que nada é garantido e, por isso, as surpresas são essenciais. Não há papéis com regras e juras, há dias que voam com sorrisos felizes e aconchegos.
Namorar a vida toda é que todos devíamos ambicionar.

Este artigo serviu de inspiração para o post:
http://dicasgratisnanet.blogspot.pt/2010/04/diferencas-casamento-x-namoro-antes-e.html


Já não sei estar de outra forma que não seja sorrir!

Embrulha-se prendas de Natal, para pôr de volta da árvore que brilha bonita na sala.
O espírito natalício está instaurado e será o último Natal "sozinha".
Para o ano somos três e o barulho vai aumentar, as prendas serão mais coloridas e haverá um novo cheiro pelo ar.
O teu cheirinho, meu amor.

O maior drama

Há 3 meses que não consigo beber água, mais do que um copo por dia é um castigo e logo má disposição. Eu que desde 2010 bebia diariamente 1,5l estou a desesperar. Sinto-me totalmente seca, mas não consigo mesmo beber água simples. Só a água com gás é que vai bem e essa não me há-de fazer lá muito bem nas quantidades exageradas que tenho consumido. 

De mim para mim este Natal

Rendi-me.
Eu sei que disse a quem quisesse ouvir que no dia que os tlms com teclas se fossem a minha vida acabaria. Mas vi este tlm numa amiga que quer vendê-lo e não resisti.
É lindo de morrer e vou-lhe dar uma hipótese, é a minha prenda de natal.
Se não me adaptar tenho o meu velhinho nokia pois claro.

                                                              (Samsung Galaxy Gio)

Coisas que não sabem sobre mim

Todos os anos é um martírio para mim aguentar-me por esta altura e não fazer logo ali no dia 1 de Novembro a árvore de Natal, adoro ter a casa enfeitada.

Hoje é dia de fazer o Pinheirinho!

Algo perfeito sobre mim

Não tenho qualquer apego a bens materiais.

Ignorante

Tenho um blog desde 2007 e nunca me preocupei em saber trabalhar com isto a fundo.
Às vezes irrita-me porque não consigo pôr as imagens como gostaria; porque não sei agendar posts; porque vejo-me negra para mudar o header; porque não acerto com o tipo de letra ou cor...
Basicamente dava-me jeito perceber mais disto a maioria das vezes, se sei que pesquisando na net chego lá é possível mas eu queria assim alguém que me desse um curso rápido de como gerir o blog a 100%, pois acredito que isto deve dar para muito mais do que eu alguma vez fiz.

E agora desejo-vos Bom Fim-de-Semana porque vou-me pôr de vida e hoje já escrevi pa caraças!
Síndrome de Solidão instalada, maybe!

Today

To do:
- Tratar das prendas de Natal para pais e sobrinhos
- Comprar prenda de anos para A.
- Comprar prenda dia da mãe
- Comprar acessórios para prenda C. e A.
- Comprar incenso
- Fazer malas
- Lavar louça
- Respirar e descansar pelo meio


Done:
* almoço
* passar roupa a ferro
* depilação


P*** de cheiro

     No mês passado ou setembro (don't remember) precisei de comprar detergente da louça e vi por lá um Fairy todo catita verdinho, um pouco caro mas pensei olha porque não experimentar? Só consigo usar Fairy porque os restantes deixam-me as mãos num 8 e como raramente lavámos louça à mão aquele frasco iria durar uma eternidade.
     E não é que o cabrão nunca mais acaba, inda vai a meio. E aquilo tem um cheiro e uma consistência que não se pode. Um bocado daquilo gasta litros de água para conseguir tirar da louça e o cheiro é super enjoativo, não tolero aquilo. Péssima compra!
     Nesse mesmo dia comprei outro Fairy também, inda nem tive coragem de cheirar tal é o receio, foi o Fairy Platinum.




Deixo-vos a minha opinião e a imagem do dito e se acreditam em algo que Miss Cleo diz, não comprem isto:


Tempos de estudante

     Ontem vim no autocarro naqueles bancos para 4 pessoas, as minhas 3 colegas eram estudantes universitárias na casa dos 20's. Falavam as 3 sobre as casas que tinham andado a ver para arrendar e das situações engraçadas que viram nessas casas; quartos do tamanho de despensas; salas onde faltavam pedaços de chão; cozinhas onde cabia uma pessoa à vez,... Tendo eu já passado por isso não pude deixar de ir a sorrir enquanto as ouvia. Dei por mim a pensar que tinha muitas saudades dos meus tempos de estudante, dos vários quartos que tive no 142 e da má experiência que foi viver 3 meses na casa mais velha de Coimbra, mesmo ao lado da Sé Velha. São coisas que guardarei para sempre com ternura e nostalgia. Se me via de novo a ser estudante, via. Adoro estudar e para mim não ter prosseguido o curso de Inglês foi uma pontada triste no peito. Quando a ser estudante universitária daquelas que vivem com um grupo e partilham uma casa e saem à noite para se embebedar e dançar noites e noites a fio... sorry I've been there and I'm not capable of doing that again!

       Este ano tive 2 saídas para dançar e sinto que ainda hoje ando a pôr as horas de sono em dia. O meu corpo pede descanso e tem muita consciência do mal que me fez tantas noites em ambientes nefastos; tantas pinturas por tirar e tanto álcool, tabaco e café no bucho. Aproveitei os meus tempos de estudante ao máximo, andei 2 anos a ver a banda passar e outros 4 a tirar o curso, foram 6 anos que me fizeram ser o que sou hoje. Sou equilibrada, tenho uma relação estável; larguei o ninho mal acabei o curso e fiz-me à vida. Sinto que comigo as coisas têm seguido o seu ritmo normal, fui uma maluca enquanto estudava; depois fiz-me à vida para me sustentar e agora crio a minha família e estimo-a. Cresci bem é o que acho. 

      Estudar em Coimbra deixa-nos para sempre com uma sensação de termos vivido os nossos mais lindos anos de descoberta na cidade por excelência para se estudar. Fuí muito feliz em Coimbra, mas também o fuí em V.N.Gaia; em Leiria; no Porto; em Lisboa; no Algarve...Fuí feliz em todo o lado porque sempre tive perto de mim os que mais me são fundamentais para poder sorrir.

     E por falar em Coimbra quem vai lá este Sábado? Eu! 
     Ver o Mondego, relembrar Inês e festejar com amigos.


É uma daquelas casinhas que se avistam onde eu tive o prazer (or not) de viver 3 meses, os primeiros 3 meses que alguma vez sai de casa e vivi sozinha, muito medo!

Ai vontadinha de apanhar frio e chuva

Tantos dias bonitos de sol que têm estado e é logo quando eu tenho de andar todo o dia às voltas na rua e de transportes que chove, chove e faz um frio que não se pode.

Será hoje?
Figas!

My fashion moment

Sou uma mulher de uma cor, não há peça de roupa ou calçado que não ame à primeira vista em azul-marinho. Amo de modo geral todos os azuis mas o marinho está-me no peito. E estas peças ficavam-me tão bem agora que estou toda giraça. Ando num aperto de finanças daí esta minha queda para as futilidades, tudo isto no mesmo dia em que metade do meu guarda-vestidos foi empacotado por tempo ilimitado. 















Imagens roubadinhas do google

I'm alive!

Ele diz que nos últimos dois meses andei uma jóia, calminha, relaxada, caladinha.

Desde há uma semana para cá diz que não me atura, que estou muito chata e não me calo.

Passei de 10% de energia para 110%, aturem-me e tu em particular tem paciência antes ter vivacidade que me sentir morta.

My secret life

Um dia deste conto-vos as novidades, mas hoje ainda não é o dia!

Keep it simple, please

     A minha geração passou a sua adolescência revoltada com as limpezas à sexta e ao sábado, na casa dos pais, porque as mães tinham uma quantidade enorme de tarecos que não serviam para nada e tinham de ser limpos um a um todas as semanas. Os casais de porcelana; os pratos da china, os porta-retratos; os budas; as lembranças do baptizado deste e do casamento daquele... Vivemos anos a rogar pragas a esta imensidão de artefactos dignos do museu de história nacional e eis que hoje em dia ao passar os olhos pelos blogs de decoração, vejo que a malta com 20's e 30's perdeu o juízo e está a fazer voltar a moda dos tarecos. Onde se torna mais visível é nas cozinhas, é decorar as paredes com porta-retratos coloridos; é ter 30 tacinhas expostas porque é de bem, todas tipo united colors of benetton; é pintar bancos de rosa, mesa de amarelo, listar umas paredes de roxo e ter uma Nespresso verde. 
     Quando ando nas lides fico deliciada porque não há tralhas para limpar, não há nada nos balcões; não há gordura difícil de retirar desses tais adornos. Uma pessoa com tanta tralha pela casa, primeiro dá-nos a ideia de ter um espaço congestionado, depois de que não tem trabalho (só assim terá tempo para limpar todas as semanas os bibelôs, são para mais de mil) e, por último de que tem uma carência qualquer que procura ultrapassar com bens materiais.
   Para reflectir neste feriado:
                                          Quando tempo demorará o ser humano a fartar-se de viver no meio de um arco-íris condensado em 4 paredes?

Estafada

Fuí aqui matar saudades


Depois aqui apanhar frio


Agora tudo o que quero é o meu lar

e



Um bom Halloween para todos, Miss Cleo is back...



Palpites a mais

Acho que passei os últimos meses à espera das 18h de hoje e finalmente hoje chegou!

Estou mais morta que vida, tenho mais sede que se comesse um presunto, estou irritada e enervada, mas vá braços ao ar, respira respira já passou já passou...

Welcome Summer!

O verão para mim começou há cerca de 1 semana, se tivermos em conta o número de gelados que consegui morfar em tão pouco tempo. Finalmente fuí ao Esquimó e ou é de mim ou aquilo está cada vez melhor, comi 1 bola de morango e outra de côco e babei por mais.

E o belíssimo sol que apanhei este fim de semana na minha santa terra, uma delícia! Uns dias de descanso e boa comida que tão bem souberam, em 15 dias há mais!

Decisão do mês

Tomei uma decisão!
Agora que já tenho a vida mais organizada, que o factor poupar é o mais importante preciso reorganizar o modo como planeio as compras.
Sou uma viciada em ter a despensa cheia. Ainda um artigo vai a meio e já eu vou repor stock. 
Dezembro de 2011 foi o ano em que decidi que nunca mais comprava uma revista e até ver mantive a minha promessa. Outubro de 2012 é o mês em que decido que acabou-se nesta casa o acumular.
Vamos ter comida à conta!
Olho para a despensa e nem vejo o chão tal a quantidade de rolos de papel higiénico guardados bem como detergentes para as máquinas de lavar e roupa. Acabou-se!
Tenho imenso dinheiro ali investido porque sou perita em aproveitar promoções e liquidações.
Acabaram-se as idas à Makro, das quais resultavam sempre somas que ultrapassavam os 500 euros.
Vou  usar o que tenho em casa até ao fim. Penso que só para Janeiro precisarei de comprar carnes e peixe.
Irei receber os meus vales do Continente e apenas usar o que for precisar no imediato. 
De dois em dois meses faço uma vistoria à despensa e há sempre produtos que já prazaram, é um desperdício.
Não vai ser fácil, porque fazer compras no supermercado é das poucas coisas que gosto de comprar, mas sou uma mulher ou um trapo?
Nestes últimos meses fartamo-nos de estragar comida ou porque chegávamos a casa e "ai apetece-me antes pizza, liga a encomendar" ou porque "sopa com este calor não me apetece" ou "hoje estou tão cansada que só quero cereais, manda os restos da carne assada pó lixo".... desculpas como esta foram o dia-à-dia dos meses de verão. Pois o verão já era e é tempo de mudar uma vez mais.
Quero me pôr à prova e ver o quanto consigo poupar no orçamento familiar.

Para a próxima, abre, folheia e pensa!

Comprei uma espectacular e gigante gramática com exercícios de Italiano, mas já vos disse que não traz soluções, vai-me dar muita dor de cabeça, vai vai!


Famiglia

Finalmente consigo ter 3 dias para o descanso e a família. Vou ver o mar; comer um gelado em Miramar; queixar-me que está frio para pijama de verão; comer comidas pesadas preparadas com amor; dizer olá à minha cadela; passar em todas as ruas e haver sempre alguém a cumprimentar; sentar-me no poço a aquecer a alma; descansar e não saber como hei-de mais descansar...

O que eu ambicionava por uns dias assim, que o sol se mantenha para que tudo seja perfeito!

Feira do Relógio

Saí de lá, como quem sai de uma manhã inteira a fazer corrida numa passadeira.

5 anos

Faz hoje uma semana que fizemos 5 anos que vivemos juntos, passou a voar. Em 5 anos acalmámos da adolescência e tornamo-nos pessoas caseiras com o mote que dormir cedo e cedo erguer dá saúde e faz crescer.
Ao fim de 5 anos a nossa relação é feliz, bem-disposta e com novidades constantes.
Os próximos 5 que sejam ainda melhores que estes!

Para ti

Hoje vou dar música a alguém muito especial.

Acabou o Verão!

Este blog anda às moscas, mas se forem pacientes mais uma semana isto em Outubro volta aos eixos!
Palavra de escuteiro!


Sou uma nódoa

E nenhum do Esquimó!

INTERNEM-ME JÁ!!!

Como é que foi possível??!??

Neste Verão que quase se escapa pelos dedos comi apenas um único geladito da Olá, da Santini e nenhum da Emanha.
Este Verão andei muito doente.
Tenho mais 7 dias para pôr o colesterol em dia.


Sábado relax e de love!

Ontem fuí visitar a Gulbenkian ou melhor os jardins que a coisa anda mal de finanças e entre ter-me deitado na relva e refastelar-me ao sol, percebi que é o sítio ideal para ir passear com crianças, aquilo estava cheio de miudagem. Mas só vos digo fiquei deveras desiludida com o espaço, muito fraquinho para a fama que tem.

Entretanto fui a uma loja Cash Converters pela primeira vez e colei nos livros, dvd's e vhs a preços de saldo, tipo 10 dvd's por 2,5; cada vhs por 0,15 cêntimos; uma colecção de clássicos da literatura, os 47 volunes por 27 euros. Sai de lá a pensar que preciso lá voltar para comprar livros, mas vou primeiro investigar onde andarão mais destas lojas. Também conclui que se um dia vender a minha biblioteca pessoal deve chegar para comprar um carro semi-novo.

Deixo-vos o link para cuscarem: http://www.cashconverters.pt/

Querem-me ver feliz é darem-me livros e comida, não há menina!

E esta semana trabalhei que nem um pequeno escravo egípcio e construi pirâmides de livros para os senhores professores ensinarem os meninos. Ando de rastos e promete ser para durar.
Falta muito para o dia de São Receber?

9 Setembro de 2012

As emoções andam à flor da pele, os bons sentimentos enchem-nos as medidas.
Ser feliz é bom e nota-se na pele!

Visitas...visitas...visitas e ainda mais visitas

Ter convidados é bom, ter convidados sem máquina de lavar louça é muito mau.
De rastos!

AMO-TE

Quando em 15 dias ele te consegue pôr duas vezes com as lágrimas nos olhos de felicidade é porque é

O MELHOR NAMORADO DO MUNDO

Continente

Gasto 200.
Em cartão 100.

Tarefa cumprida!

Faltam-me ideias para prendas de natal, talvez passar a ferro me inspire, lá vou eu para o martírio e com 30' muito mauuuuuuu.

TPM

Ando super cansada. O trabalho tem sido mais que muito, os fins-de-semana deixam a desejar são cercados de contratempos e tarefas que têm de ser cumpridas. Mas amanhã começa o descanso e Jack White é o plano para a noite. Espero que seja um óptimo concerto!

Recentemente reencontrei e conheci toda uma família que não sabia existir ou com a qual há longos anos tinha perdido o contacto. E percebi que sou a cara chapada desse lado da família. Pena ser filha única, viver longe e ser too late para criar laços com eles. De qualquer forma tive o cuidado de me dar a conhecer e de dispôr o meu tempo com cada um deles. Foi muito bom saber que a minha família de sangue são mais que muitos.

16 anos

uma pessoa perdida e graças ao facebook agora reencontrada.

Coisas que gostava de ter

Umas sapatilhas azuis

Dotes desconhecidos dele

Super importante: acordou às 5:30 da matina para me fazer um pássaro em origami e me fazer um vídeo de bons dias. Ao fim do dia ofereceu-me outro origami de um leão!


Nota: Eu sei que a minha relação às vezes vos mete nojo de tão boa que é, mas eu já passei as passinhas do Algarve antes de ser super feliz, também mereço!

21st August 2012

O meu dia de anos foi soberbo, atribulado, complicado!

O meu homem organizou uma mega surpresa. Reuniu de todas as formas possíveis os meus amigos em Lisboa; contratou  um actor para me surpreender no trabalho com um telegrama cantado; deu-me um ramo com 29 rosas; ofereceu o jantar a todos; levou-me a almoçar francesinhas raptando-me do trabalho; foi um super homem!Imagino a trabalheira que o homem andou nestes últimos dias e andei tão mal disposta toda a semana com ele, sempre a resmungar...shame on me!

Os meus amigos também estão de parabéns, todos cumpriram o seu papel a tempo e horas!Foi muito sentir-me tão amada por todos!

E o Telmo, da Pick a Wish  (http://pickawish.blogspot.pt/ ), se é que se chama mesmo Telmo, pelo excelente trabalho que fez na organização das tropas e das duas cantorias que me fez! Se quiserem surpreender alguém, entrem em contacto com o pessoal do Pick a wish, dou-lhes nota 100%!

Resta-me só dizer que a pessoa que mais atrelada a mim andou toda a noite foi a única que não me deu os parabéns, o meu adorável sobrinho, por birrinha não deu, mas estava muito feliz toda a festa e comeu tudo, até quis ficar junto a mim, lindo que só ele!

Portanto, o homem subiu a parada das festas de aniversário...Preciso já já de super ideias para os anos dele em abril de 2013, tenho uma fasquia muito alta a superar :)

Ah e outra coisa boa é que a mãe e a mana vinham para cá ficar 2 noites e entretanto a coisa arrastou-se e ficam 5 dias! Esta semana está a ser muito boa!

Só a mim

A pior coisa do dia de amanhã não é eu ter de trabalhar no meu dia de anos sobre um sol estonteante, é sim ter hoje ao fim do dia torcido um pé, esse parecer um balão e eu não saber como irei amanhã trabalhar!

Durou ainda uma semana

A máquina da louça morreu.


Quem souber de lojas que façam bons preços nas ditas é favor avisar.

Atenciosamente,
Quem tem louça por lavar

Piquenicar

É uma moda muito portuguesa.
Leva-se a comida toda no saco-térmico, a manta para pôr no chão; a toalha de mesa;a bola; as cartas; as batatas fritas e os rissóis e vai-se para a sombra num pinhal.
Pendura-se o saco do lixo numa árvore, a toalha para limpar as mãos e a água para as lavar.
Dispõe-se a comida, come-se. Descansa-se e come-se.
Isto é o que eu me lembrava de todos os piqueniques feitos até à data. Hoje acrescento um nome item... ...Sacode-se as formigas, coça-se das picadas, mata-se formigas...
A bela da mata, sem formigas, de paraíso passava a Céu!


Raios partam a máquina da louça

A minha máquina da louça atormenta-nos. 

Sempre que dámos um jantar e temos pilhas de louça suja eis que inunda a casa.
Esta semana sem mais nem menos alagou-nos a cozinha, toca a arrastar frigorífico e arca e limpar muita água gordurosa do chão.
Ontem voltou a atacar e desta vez acho que a bicha pifou de vez. Esteve horas ligada mas não mexeu o programa nem lavou nadinha (pelo menos não nos alagou a cozinha).
Como demos um jantar para 5 com tudo que havia direito, usámos imensa louça. Como tal, hoje acordei e já lavei 1h só tachos e panelas e ainda deixei, pratos, chávenas e tacinhas para ele lavar.
 Não sei viver sem máquina da louça.
Vou só ali afogar-me à Caparica e volto já!

Não sou nada complicada!

Sou uma fanática da organização, senão vejamos quando saio do trabalho para almoçar, no percurso da minha secretária ao local de picar o ponto, ponho todos os livros no lugar...

Mesmo não sendo fumadora...

Agora um cigarrito, ía bem...

Outubro chega rápido

Estou em contagem decrescente para a ida a Londres, bilhetes de avião comprados e hotel reservado!
Falta decidir os sítios a visitar...

Já estive em 2007, uns 15 em Inglaterra e vi várias cidades importantes e castelos lindos de morrer. Londres é que só ainda passei lá um dia e, portanto agora tenho mais 4 dias de visita agendados em Outubro. Para já decidi que gostaria de ir a China Town, também me agrada ver o Covent Garden e o Madame Tussauds preciso ver os preços. O Harrods é obrigatório ir! Tenho também uma loja de malas que da outra vez me ficou no olho e onde quero fazer umas compritas! Não sei se iremos à cidade de Reading, para eu conhecer a cidade onde o meu mais que tudo viveu os primeiros três meses deste ano.

Têm algum local a aconselhar e que eu não possa perder em Londres?

Pensamento interno: Ele que não pense que lá porque adormeceu, não vai ter de limpar os tectos do wc, HOJE!

Coisas há filme

Quando lavam os dentes nos filmes, conseguem lavar e conversar perfeitamente ao mesmo tempo. Nunca lhes escorre pasta dos dentes e na hora de tirar a espuma da pasta, duas cospidelas e já está!

Base Garnier

Hoje pela 2x na vida apliquei base. Recebi há tempos umas amostras e hoje, em casa, resolvi tentar. Como tinha previsto nota-se a quilómetros que tenho base e a diferença entre cara e pescoço destaca-se por mais que tenha espalhado e seja do meu tom de pele. Portanto, dei à Garnier o benefício da dúvida e mantenho-me fiel a que nem pensar usar base.


...

Sinto tanta falta de ter tempo para mim...

Regras e dicas

Sou uma pessoa de regras e hábitos, mas de fraca memória. Como tal tenho um quadro na minha secretária cheio de notas; tenho um tlm que apita frequentemente com avisos e tenho outro quadro na cozinha onde coloco as compras a fazer e outras coisas importantes. Venho-vos falar do quadro da cozinha.

O quadro da cozinha tem duas faces distintas, uma magnética e outra de lousa.
Na magnética anotamos os bens alimentares que vão faltando.
Na de lousa anotámos quando foi a última vez que mudámos o filtro da água; que trocámos de escovas de dentes; que lavámos a máquina da louça com produtos próprios; que mudámos o filtro da máquina do café; que trocámos os puff de banho e esse tipo de objectos que se mudam menos regularmente. É um óptimo sistema o nosso e assim nunca nos esquecemos de quando foi a última vez que ...?

E vocês como fazem para se lembrar de tanta coisa?

Breaking Bad

É o novo vício cá do casal, chegámos às 19h e alapámos no sofã a ver uns 4 episódios. 
Pelo meio emborcámos um sumo, café e uma fast food caseira e no fim, sendo já tardia a hora, xixi, lavar o dente e cama (às vezes lavámos todos). 

Alguém já foi ver os supostos fabulosos saldos do Ikea? É mesmo como publicitaram, no mínimo 40% e máximo 70%, ou são só alguns artigos? É que estou a pensar ir para lá fazer jogging no sábado.

Breves:

- passar a linha do comboio pelos carris
- andar no 208 da carris pelas 4h da matina
- beber várias espécies estranhas de martini e red bull
- passear por alcântara terra após as 0:00 de domingo
- dançar o concerto todinho de buraca som sistema
- fazer tranças no cabelo
- trabalhar que nem um cão
- fazer 1 refeição por dia
- provar cerveja preta
- aparvalhar face às minis das moças de hoje em dia
- ir ao wc dos homens no optimus alive
- ele acender-me um lm azul

Uiiiiiiiiiiiiiii

Aviada e pronta a curtir muita boa música nos próximos 3 dias :)

Ainda estou viva. Tou?!?

O meu fim-de-semana foi num ritmo alucinante, muito poucas horas de sono, muita caminhada, dança noite dentro, comidas pesadas, zoo, matar saudades da família, cozinhar, ..querem que continue?

Tal é o meu estado que hoje cheguei do trabalho eram 19h, deitei-me no sofá e ainda cá estou (quase 23h). O marido trouxe-me a sopinha, arrumou o prato na máquina e eu aqui estou a babar ao som da musiquinha das festas da Bobadela. Ao fim de 4 dias de "Ei você aí", já não posso!

A saber

Recebi por email e achei que devia partilhar, nunca sequer tinha pensado no assunto.
Se quiseres partilha também!


Vamos passando para que o mundo não esqueça
                   
"Em 1953, a Alemanha de Konrad Adenauer entrou em default, falência, ficou Kaput, 
ou seja, ficou sem dinheiro para fazer mover a actividade económica do país. Tal qual como
a Grécia actualmente.
 
A Alemanha negociou 16 mil milhões de marcos em dívidas de 1920 que entraram em 

incumprimento na década de 30 após o colapso da bolsa em Wall Street. 
O dinheiro tinha-lhe sido emprestado pelos EUA, pela França e pelo Reino Unido.

Outros 16 mil milhões de marcos diziam respeito a empréstimos dos EUA no pós-guerra,

no âmbito do Acordo de Londres sobre as Dívidas Alemãs (LDA), de 1953. O total a pagar
foi reduzido 50%, para cerca de 15 mil milhões de marcos, por um período de 30 anos,
o que não teve quase impacto na crescente economia alemã.

O resgate alemão foi feito por um conjunto de países que incluíam a Grécia, a Bélgica,

o Canadá, Ceilão, a Dinamarca, França, o Irão, a Irlanda, a Itália, o Liechtenstein,
o Luxemburgo, a Noruega, o Paquistão, a Espanha, a Suécia, a Suíça, a África do Sul,
o Reino Unido, a Irlanda do Norte, os EUA e a Jugoslávia.
 
As dívidas alemãs eram do período anterior e posterior à Segunda Guerra Mundial. 

Algumas decorriam do esforço de reparações de guerra e outras de empréstimos gigantescos
norte-americanos ao governo e às empresas. Durante 20 anos, como recorda esse acordo, 
Berlim não honrou qualquer pagamento da dívida.

Por incrível que pareça, apenas oito anos depois de a Grécia ter sido invadida e brutalmente

ocupada pelas tropas nazis, Atenas aceitou participar no esforço internacional para tirar a 
Alemanha da terrível bancarrota em que se encontrava.

Ora os custos monetários da ocupação alemã da Grécia foram estimados em 162 mil milhões

de euros sem juros. Após a guerra, a Alemanha ficou de compensar a Grécia por perdas de 
navios bombardeados ou capturados, durante o período de neutralidade, pelos danos 
causados à economia grega, e pagar compensações às vítimas do exército alemão de 
ocupação.
 
As vítimas gregas foram mais de um milhão de pessoas (38 960 executadas, 12 mil abatidas,

70 mil mortas no campo de batalha, 105 mil em campos de concentração na Alemanha, e 600 mil
que pereceram de fome). Além disso, as hordas nazis roubaram tesouros arqueológicos 
gregos de valor incalculável.

Qual foi a reacção da direita parlamentar alemã aos actuais problemas financeiros da Grécia? 

Segundo esta, a Grécia devia considerar vender terras, edifícios históricos e objectos de arte 
para reduzir a sua dívida.

Além de tomar as medidas de austeridade impostas, como cortes no sector público e 

congelamento de pensões, os gregos deviam vender algumas ilhas, defenderam dois 
destacados elementos da CDU, Josef Schlarmann e Frank Schaeffler, do partido da chanceler
Merkel. Os dois responsáveis chegaram a alvitrar que o Partenon, e algumas ilhas gregas no 
Egeu, fossem vendidas para evitar a bancarrota.
"Os que estão insolventes devem vender o que possuem para pagar aos seus credores", 

disseram ao jornal "Bild". Depois disso, surgiu no seio do executivo a ideia peregrina de pôr 
um comissário europeu a fiscalizar permanentemente as contas gregas em Atenas.

O historiador Albrecht Ritschl, da London School of Economics, recordou 

recentemente à "Spiegel" que a Alemanha foi o pior país devedor do século XX. 
O economista destaca que a insolvência germânica dos anos 30 faz a dívida grega de hoje parecer insignificante.

"No século XX, a Alemanha foi responsável pela maior bancarrota de que há 

memória", afirmou. "Foi apenas graças aos Estados Unidos, que injectaram 
quantias enormes de dinheiro após a Primeira e a Segunda Guerra Mundial, 
que a Alemanha se tornou financeiramente estável e hoje detém o estatuto de 
locomotiva da Europa. Esse facto, lamentavelmente, parece esquecido", sublinha
Ritsch.
 
O historiador sublinha que a Alemanha desencadeou duas guerras mundiais, a segunda de 

aniquilação e extermínio, e depois os seus inimigos perdoaram-lhe totalmente o pagamento
das reparações ou adiaram-nas.
 
A Grécia não esquece que a Alemanha deve a sua prosperidade económica a outros países.

Por isso, alguns parlamentares gregos sugerem que seja feita a contabilidade das dívidas 
alemãs à Grécia para que destas se desconte o que a Grécia deve actualmente."

Sérgio Soares, jornalista português

Amor é:

Chegares a casa e ele dizer-te:

"Tás mais gorda"

E assim se estraga o meu dia, semana, mês!

Júlio Dinis é quem sabia!


     "As combinações extravagantes das cozinhas estrangeiras - galicismos culinários, por exemplo - repugnavam-lhe tanto ao estômago, como aos ouvidos, mais pechosamente sensíveis dos nossos severos puritanos, a outra qualidade de galicismos.

     Queria-se ele com a carne de porco bem assada e o arroz do forno açafroado  - esses dois importantes elementos de gozo para os paladares portugueses; queria-se com o prato clássico da orelheira de porco, e até com aquele outro prato tão castiço como qualquer período de Fr. Luís de Souza  - prato que valeu aos portuenses um epíteto gloriosamente burlesco; queria-se com todas estas iguarias, quase desterradas das mesas modernas, de preferência aos manjares exóticos, cuja nomenclatura tem a propriedade de fazer ignorar ao conviva o que lhe dão a comer. Por isso, João Semana, nas raras vezes que vinha ao Porto, era freguês certo das mesas do Rainha, as únicas que mantêm, sem mescla de estrangeirices, as velhas tradições nacionais.

     Em Portugal, terra de lhaneza um tanto rude, mas não afetada, o dono da casa não costumava dantes experimentar a imaginação dos seus convivas com enigmas culinários. Não havia cá a usança de se dar a qualquer pastel ou empada o nome de um general do exército; a qualquer açorda o de um ministro célebre; a qualquer doce balofo e insípido o de um poeta da moda. Este costume, graças ao qual parece que os modernos Vatéis misturam às vezes aos ingredientes dos seus tachos e caçarolas um pouco de sal da sátira, era desconhecido entre nós. Menos espirituosa, porém mais filosófica do que a nomenclatura culinária da moda, a nossa, a tradicional, realizava o desideratum a que todas as nomenclaturas aspiram - o de valerem por definições.

     Se um conviva tinha a curiosidade de perguntar ao seu Anfitrião o que continha este ou aquele prato, uma só resposta o satisfazia; era um frango guisado, um peru recheado, uma língua de vaca afogada... coisas que toda a gente entendia logo.

     Hoje, a primeira resposta é um nome francês bárbaro, absurdo, que, contra as promessas dagramática, não dá a conhecer a coisa, nem as suas propriedades; e por isso uma segunda pergunta é inevitável; a não querer cada qual resignar-se a comer o que não sabe o que é - tormento insuportável.

     Hoje, época de programas, inventaram-se os programas dos jantares à imitação dos dos concertos, dos deputados e dos ministros. Com oito dias de antecipação publica-se o elenco de um banquete, para que cada qual procure decifrar o que vai comer, e estude a maneira como se come.

     João Semana é que nisto, como em tudo mais, não queria saber de modas. E senão vejam-no desta vez esgotar a tigela avolumada de substancial caldo de abóbora, aviar a formidável posta de carne cozida, com presunto, acompanhando-a com o indispensável arroz, salada de alface e azeitonas; atacar com igual denodo, uma porção de roast-beef, não revendo sangue sob a faca, à moda inglesa, mas portuguesmente assado, e como estou convencido assavam os seus carneiros aqueles heróis da Ilíada; tudo  isto acompanhado de excelente vinho palhete, o qual ele ingeria aos copos de meio quartilho; em seguida uma carregação de pêras de amorim, sem conta peso, nem medida..."

                                                                                         Excerto do livro : "As Pupilas do Senhor Reitor"

Cristiano Ronaldo apanhei-te...

... hoje na Emanha a sorveres um geladito para afogar as mágoas...

Arrrreeee

Agora a sério, porque é que nunca mais é fim-de-semana???????????

A minha veia brejeira

Viva o santo popular
De seu nome João
Este ano é a bombar
Com o meu maridão!


O martelinho não deixa mentir sobre a origem do vídeo!




Com muita pena minha


o blog anda parado mas eu sinto tanto a falta de aqui poder escrever. Não tenho net no emprego e, no passado, escrevia os textos numa folha e quando chegava a casa digitalizava. Mas a minha multifunções rejeitou os tinteiros traficados que lhe meti e não faz Nada.

Não sei desligar

É Sábado, acordei eram 7:30 com o marido a ausentar-se para os habituais passeios de bicicleta.
Disse-lhe "Farta de não consigar dormir porque acordo sempre com o barulho que fazes!", ele: "Aproveita e vai limpar o wc". 
Só me apeteceu espumar...
(mas as palavras dele têm sentido, esta semana consegui limpar a cozinha e aproveitei que tinha detergentes e baldes fora do sítio para colocar no wc para ser a próxima divisão a ser limpar. Acontece que entretanto fomos jantar fora, foi dia de jogo, foi sexta e estava cansada e... o balde, líquidos e esfregão continuam a decorar o wc)

Hoje pela matina fiz o pequeno-almoço e comi enquanto via uma série. Cusquei as fotos que as pessoas foram pondo no Facebook, apaguei centenas de spam dos meus 4 emails e comecei a actualizar a leitura dos meus blogs favoritos. Enquanto procuro relaxar, porque afinal é fim-de-semana, o meu cérebro prejudica-me, só consigo pensar "tenho de ir limpar o wc, tenho de pôr roupa a lavar, tenho de ir limpar o pó, tenho de ir lavar louça". Não consigo desligar e estar em sossego, não sou capaz de me libertar do stress das tarefas domésticas.

E quarta voltámos a sofrer


ZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZZ

Ontem a net cá por casa foi abaixo, quando voltou o meu blog, cheio de vontade própria, apropriou-se do símbolo da Zon para logo do meu blog. Não me perguntem como mas agora tenho ali o símbolo. E assim deve ficar porque a chatice que é mudar a imagem... Ou isso ou a Zon é tão fã deste blog que resolveu agarrá-lo com unhas e dentes!

As pessoas adoram complicar

Sou uma rapariga muito pouco dada a novas tecnologias. 
Não gosto, não tenho, nem terei, nem consigo usar equipamentos com sistema de "touchscreen".
Para mim um telemóvel tem de ter teclas e ser básico.
Um computador deve ter 15.4" e ler cds.
Os livros são em papel.
Os carros são com mudanças manuais.
A Bimby é útil mas cozinhar num tachinho é que é.
As televisões devem ter um comando e depois outros tantos para cada aparelho lá ligado.
A Internet é por wireless mas só acedo a ela em casa, nada de pen drives.

Fico triste pela dependência generalista das pessoas às novas tecnologias.

Vi uma foto do Santo António de alguém a registar um evento num tablet; vejo as pessoas a deixarem de comprar livros em papel e usarem reader's; vejo pc's que mais parecem telemóveis; vejo carros sem qualquer piada na condução; vejo pessoas que dizem adorar cozinhar na Bimby; vejo pessoas de manhã, à tarde e à noite ligadas pelo telemóvel à net, como se o mundo pudesse acabar; vejo anúncios na tv de tv's que à distância a pessoa, sem comando, escolhe o que quer.

Oh pá é tudo de um facilitismo e ao mesmo tempo complicação.Sei que o mundo está a evoluir, mas este avançar tecnológico torna as pessoas alienadas do real, vivem atreladas ao que se passa da maneira errada, num mundo virtual onde não há contacto físico ou apreciação pelo esforço que as coisas exigem.

Em minha casa vive um tecno-dependente, para mim conseguir ver um filme na sala ou ouvir música é uma tarefa esgotante. Pensar que tenho de ligar a aparelhagem, ligar a tv, entrar na popcorn, procurar o filme, escolher o filme numa lista interminável, ver se tem legendas, ver se tem som que me permite pôr a dar nas colunas; ver e sincronizar as legendas... é uma tarefa que cada vez mais me recuso a ter. Temos o sistema há dois anos e eu não sou capaz de funcionar nem com metade do que aquilo permite. Odeio complicar o que é fácil. Antigamente era: passar o filme do pc pa pen, ligar a pen e voilá ver o filme! 

E digo-vos que estou desde o 12h à espera dele para irmos as Vasco e estou com os olhos quase a saltarem de órbita, porque por causa das merdas das tecnologias ele não larga o pc nem o novo sistema xpto que está a instalar na sala, que uma vez mais vem me tirar qualquer vontade de ver filmes.

Nota: são 13:25

Stress em pessoa, sou eu!!!

Odeio desperdiçar tempo útil de vida é uma frase que digo quase todos os dias, é algo que me mexe com o sistema. No meu novo emprego "desperdiço" 9h diárias a olhar para o tecto; em casa espero sempre horas que ele se despache para irmos a qualquer lado. Conclusão sou mais rápida a arranjar-me que ele e lido muito mal com os tempos mortos de espera. O emprego mais infeliz monetariamente que tive foi no café Magnólia na Expo, por baixo do Oceanário, mas foi o mais feliz em termos de me sentir eficiente e competente. As 9h voavam, saia de lá feliz por ter feito tudo e mais do que os outros. Considero-me muito eficiente, menos a passar a ferro, nisso levo mais que a maioria das pessoas, julgo prender-se com a falta de vontade ou disposição para tal tarefa. E hoje é dia, já arrastei a roupa o quanto pude. 

E já vos disse que odeio andar de transportes?

ODEIO COM TODAS AS MINHAS FORÇAS!!!

Porquê?

Acabei à pouco de vir da frutaria e a moça à minha frente chique e bem vestida comprou 3 morangos minúsculos, nada mais!
Estamos assim com uma crise de valores tão grande, há dinheiro para a aparência mas passa-se fome?

16:10

Tenho menos de 1h para pôr esta casa em modo jogo de futebol!

Em modo rápido

Comecei a trabalhar num horário 9/18h então ando meia perdida, entre trabalho; festas; jantares e saídas não tenho tido tempo para este espaço que tanto gosto. Isto mais uns dias e volta aos eixos!

Bom Santo António caríssimos vizinhos lisboetas!


Como subir pontos da escala dos maridos

O meu caríssimo primeiro chamou-me desleixada, depois deu-me o que me fazia falta, roupa bonita para me aumentar o ego.
Passámos o fim-de-semana no Algarve com família e amigos e sábado como estava tão mau para ir à praia enfiamo-nos no shopping. Comprei umas peças malucas, tipo micro-saias, mas tudo cores simples e que entre si darão várias combinações.
Claro que será roupa apenas para o fim-de-semana porque férias nem irei vê-las e à semana não posso ir semi-nua para o trabalho. Há alguns anos que não comprava nada tão arrojado.

Quero tanto

Eu nunca fui moça de comprar roupa, sapatos, acessórios, etc mas quero tanto poder comprar qualquer coisa nova, bonita, só para mim. Tenho um baptizado dia 10 e nada para estrear, estou mais que farta de ser uma pobre que para aqui anda por ver os outros a andar.

Boas novas

Hoje ouvi finalmente algumas notícias que me animam um pouco, não é a melhor coisa do mundo, mas é um passo para sossegar uns tempos.

Boas coisas acontecem a boas pessoas!
Isto a propósito de ele hoje ter ficado de cama com uma brutal intoxicação alimentar!
Joking ele é um anjo!

Consenso

My sex life should be rated on imdb


ahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahaahahhahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahah

Útil e giro

As aparências iludem

Em minha casa é possível encontrar uma caixa rotulada como:



Meninos e meninas

Ontem foi um almoço barulhento, atribulado e muito mágico.
Enquanto os adultos comiam, os bebés brincavam pela sala e foi muito bonito.
Sexta e sábado foram dias no stop.
Obrigado a todos pela visita!
Só cá faltou uma das donzelas do 142, mas pensámos muito nela e no seu lindo rebento.